h1

Copa do Mundo e os chavões das nacionalidades

27/06/2010

O post não é sobre futebol.  é sobre chavões e maniqueísmo que tenho ouvido durante os jogos, motivados pela necessidade intrínseca do ser humano de classificar os outros.

É bem curioso como se determina características de uma pessoa por sua nacionalidade/naturalidade. Tipo falar da malemolência do brasileiro.

Primeiro que malemolência parece ser algo legal. algo descolado, algo com “ginga”, com “suingue”.  Não é.  Malemolência é preguiça.  Ser malemolente é ser vagabundo.

Não sou malemolente nem no sentido literal, e muito menos no sentido figurado. Não tenho gingado, não consigo mexer a cintura para nada. E, lamento dizer, não nasci na Noruega: sou brasileiro.

Ah, mas é porque você é paulista. Paulista é exceção entre os brasileiro. Paulista é chato, é impessoal, é egoista, é cruel.

Errado: existem paulistas que são chatos, impessoais, egoistas e cruéis. Mas conheço um monte que não é.  Existem os hospitaleiros, os afetuosos, os cordiais e aqueles que beiram o autruísmo.

Se eu aceitasse tudo que ouvisse, teria na cabeça que em Moscou tudo mundo é bêbado e cai na rua. Aposto qualquer coisa que existe russo que nunca pôs uma gota de alcool na boca.

Nascer numa localidade não determina suas características. nem todo italiano é lindo; nem todo espanhol é teimoso, nem todo argentino é arrogante. Aliás, acredite, existe italiano feio, espanhol maleável e argentino simpático. Nem toda brasileira quer dar para um gringo só pelo fato de o cara ser gringo. OH!

Em todos os países há honestos e desonestos; bonitos e feios; gordos e magros; inteligentes e burros. pode acreditar

h1

O que é um Loop?

27/05/2010


Para quem não conhece o conceito de LooP, trata-se de uma terminologia da tecnologia da informação para definir uma confusão, um conflito de comandos, que faz o software simplesmente pirar e reagir de modo contraditório.

Vamos exemplificar com uma situação bem cotidiana

O diretor chama sua secretária e diz:
– Senhorita Vanessa: Tenho um seminário na Argentina por uma semana e quero que você me acompanhe. Por favor, faça os preparativos da viagem.

A secretária liga para seu marido:
– Alô, João! Vou viajar para o exterior com o diretor por uma semana. Cuide-se meu querido!

O marido liga para sua amante:
– Eleonor, meu amor. A bruxa vai viajar para o exterior por uma semana, vamos passar esta semana juntos, minha princesa.

No momento seguinte, a amante liga para o menino para quem dá aulas particulares:
– Joãozinho, estou com muito trabalho esta semana e não vou poder te dar aulas.

A criança liga para seu avô:
– Vovô, esta semana não terei aulas, minha professora estará muito ocupada. Vamos passar a semana juntos?

O avô (que é o diretor desta história) chama imediatamente a secretária:
– Senhorita Vanessa venha rápido – Suspenda a viagem, vou passar a semana com meu netinho que não vejo há um ano, por isso não vamos participar mais do seminário. Cancele a viagem e o hotel.

A secretária liga para seu marido:
– Ai amorzinho! O babaca do diretor mudou de idéia e acabou de cancelar a viagem.

O marido liga para sua amante:
– Amorzinho, desculpe! Não podemos mais passar a semana juntinhos! A viagem da mocréia da minha mulher foi cancelada.

A amante liga para o menino a quem dá aulas particulares:
– Joãozinho, mudei os planos: esta semana teremos aulas como de costume.

A criança liga para o avô:
– Pô, vô! A véia da minha professora me disse que terei aulas. Desculpe mas não poderemos ficar juntos esta semana.

Seu avô liga para a secretária:
– Senhorita Vanessa, meu neto acabou de me ligar e dizer que não vai poder ficar comigo essa semana, porque ele terá aulas. Portanto dê prosseguimento à viagem para o Seminário.

e vai…

P.S. Gracias a Pedro Michepud

h1

A pior seleção da história

19/05/2010


Ou como uma edição pode destruir a história de uma equipe genial.

P.S. Fez tanto sucesso no Twitter que tive que postar.

h1

Tá foda trabalhar

05/05/2010

Corinthians x Flamengo
A única certeza é que meu corinthianismo não depende deste jogo.

h1

Clássicos da Internet: narração de velório

26/04/2010
h1

Cartilha da Copa para quem odeia futebol: Regra 3 – LOGÍSTICA

21/04/2010

Assistir a partidas de Copa do mundo exige o uso de todos os segundos disponíveis na escala de cronológica conhecida, que convencionamos chamar de tempo. Isso significa que o amante do futebol não deve ser incomodado com qualquer tipo de distração.

A pessoa que não gosta de futebol tem direito de passar em frente à TV durante uma das 52 partidas, desde que o faça rastejando e sem distrair a audiência.

Em caso de uma exibição de nudez à frente da TV, a pessoa deve estar apta a se vestir  imediatamente  pois, em caso de contrair resfriado, ou pior, gripe, durante o mês da Copa, não haverá tempo hábil para levá-la ao médico ou prestar assistência.

h1

Cartilha da Copa para quem odeia futebol: Regra 2 – PRÁTICA DA CONVERSAÇÃO

08/04/2010

Não deixe que a surpresa te surpreenda durante a Copa do Mundo

Entre 11 de junho a 11 de julho de 2010 não há variação de assunto. O único tema é futebol. Afinal, há jogos todos os dias, e a cada dia uma seleção favorita joga – e, nelas, pelo menos um dos maiores craques do mundo.

Você deverá ler a seção de esportes do jornal de modo a se manter a par do que se passa com respeito à Copa do Mundo. Deste modo, você adquire capacidade e habilidade para participar das mais animadas conversas do único tema relevante no período.

Caso não proceda desta maneira, as pessoas lhe olharão com maus olhos ou vão te ignorar completamente. Como a opção de não se informar a respeito da Copa do Mundo é sua, não reclame por não receber nenhuma atenção.

§ 1º – Os nomes que você deve conhecer.

Para sobreviver à Copa do Mundo, você tem a obrigação de conhecer alguns jogadores e a quais seleções pertencem ou pertenceram. Seu grau de inteligência srá medido conforme os grupos abaixo. Como você vai fazer isso é problema seu.

Nivel imbecil: Pelé, Garrincha, Zico, Maradona, Romário, Ronaldo (nunca Ronaldinho)

Nivel ignorante: Dunga, Zagallo, Ronaldinho Gaúcho, Roberto Carlos, Rivaldo, Cafu, Galvão Bueno

Nivel patético: Zinedine Zidane, Lionel Messi, Roberto Baggio, Julio Cesar

Nivel básico: Lúcio, Wayne Rooney, Didier Drogba, Paulo Rossi, Clarence Seedorf, Michel Platini, Franz Beckenbauer, George Hagi, Histro Stoichcov.

Nivel avançado: Schumacher (o goleiro, não o piloto), Johan Cruijff, Gabriel Batistuta, Roger Milla, Michel Preud’Homme, Gary Liniker

Nivel Jedi: Dizer, sem gaguejar, a seguinte frase: “Pena que a Suécia não se classificou. É um pecado o Ibrahimovic não jogar a Copa”

IMPORTANTE:

Citar Kaká e/ou David Beckham não conta pontos para esta regra.